Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

Resenha: Os Segredos de Colin Bridgerton - Julia Quinn / Editora Arqueiro


Classificação: 5/5 
Sinopse: Há muitos anos Penelope Featherington frequenta a casa dos Bridgertons. E há muitos anos alimenta uma paixão secreta por Colin, irmão de sua melhor amiga e um dos solteiros mais encantadores e arredios de Londres. Quando ele retorna de uma de suas longas viagens ao exterior, Penelope descobre seu maior segredo por acaso e chega à conclusão de que tudo o que pensava sobre seu objeto de desejo talvez não seja verdade. Ele, por sua vez, também tem uma surpresa: Penelope se transformou, de uma jovem sem graça ignorada por toda a alta sociedade, numa mulher dona de um senso de humor afiado e de uma beleza incomum. Ao deparar com tamanha mudança, Colin, que sempre a enxergara apenas como uma divertida companhia ocasional, começa a querer passar cada vez mais tempo a seu lado. Quando os dois trocam o primeiro beijo, ele não entende como nunca pôde ver o que sempre esteve bem à sua frente.No entanto, quando fica sabendo que ela guarda um segredo ainda maior que o seu, precisa decidir se Penelope é sua maior ameaça ou a promessa de um final feliz. Em "Os segredos de Colin Bridgerton", quarto livro da série Os Bridgertons, que já vendeu mais de 3,5 milhões de exemplares, Julia Quinn constrói uma linda história que prova que de uma longa amizade pode nascer o amor mais profundo.

Ficção / Literatura Estrangeira / Romance


 CASEI COM UM BRIDGERTON E NÃO LARGO MAIS COLIN É MEU


Desde que li o primeiro volume da série, eu venho fantasiando sobre como seria o livro do Colin, de todos os irmãos Bridgertons, ele sempre foi o que mais me chamou a atenção. E Julia Quinn não decepcionou, muito pelo contrário, a mulher me deixou de joelhos por sua escrita, me surpreendendo da primeira a última página deste romance arrebatador.

No quarto volume dos Bridgertons somos transportados para um universo de segredos, descobertas surpreendentes e um casal que de longe se tornou o meu queridinho.

Colin Bridgerton é um homem divertido, inteligente, charmoso e gentil. Um homem viajado conhecedor de diversos lugares do mundo. Sem dizer comilão, de todos os irmãos Bridgerton, Colin é o que sempre está com fome. Aparentemente um ser muito tranquilo, que vive no melhor estilo deixa a vida me levar. O que ninguém sabe ainda é que isso é apenas uma fachada. Colin Bridgerton tem seus segredos.

Penelope Featherington, sempre foi apaixonada por Colin, mas nunca se quer cogitou a hipótese de ser correspondia. Uma jovem tida como o patinho feio, alguém sem graça para os homens da sociedade, está sempre à margem dos grandes salões de bailes. Invisível? Quase sempre, se não fosse pelo péssimo gosto de sua mãe, na hora de escolher seus vestidos. Aos vinte e oito anos, já aceitou seu destino, ser uma solteirona.

Após retornar de uma viagem longe, Colin está de volta à cidade e volta a ser visto pelos salões de bailes, a temporada está apenas na metade, o que o torna alvo de sua mãe e das demais mães que buscam um marido para suas filhas. Só que para desespero de ambas as partes, Colin não parece muito propenso a encontrar uma esposa e sossegar.


Penelope sendo a melhor amiga de Eloise, a irmã de Colin, está acostumada a frequentar a casa dos Bridgertons para tomar chá. E é durante uma dessas visitas que Penelope em um impulso de curiosidade acaba por descobrir o segredo de Colin. Algo que ele guarda apenas para si mesmo, e que deixa Penelope deslumbrada e ainda mais encantada por ele. É o inicio de uma bela amizade.

A Penelope que até então conhecíamos nos surpreende, a verdade é que a jovem aparentemente sem graça é muito inteligente e sagaz, com um senso de humor “ácido” opiniões marcante e determinada. Consciente de sua posição de solteirona (já que perante a sociedade ela já passou da idade para se casar), e convicta de que nunca terá seus sentimentos correspondidos, em uma bela tarde, ela pede um BEIJO para Colin. Ela apenas quer saber qual a sensação, ter a oportunidade de sentir os lábios de um cavalheiro contra os seus, afinal de contas, o que ela tem a perder?

Colin, como um bom amigo (E homem) aceita, e esse pequeno gesto, trás a tona um sentimento novo.

(...)Ele a olhou, e de algum jeito não viu a mulher que tinha visto tantas vezes antes. Ela estava diferente. Ela brilhava. Ela era uma sereia, uma deusa, e ele se perguntou como diabos ninguém tinha notado alguma vez isto antes...

Mas como mencionei no inicio, esse é um livro de muitos segredos e revelações. E dessa vez é Colin a descobrir o segredo de Penelope, o que coloca em prova os sentimentos de Colin. O deixa confuso.

— Não se passa um dia sem que me veja obrigado a parar para pensar que demônios vou fazer para protegê-la se descobrirem seu segredo. Amo-a, Penelope. Deus me ajude, mas a amo...

Os Segredos de Colin Bridgerton, é o meu livro preferido até o momento, não é a toa que me casei. A história é tão bem escrita, rica, com um enredo mais profundo é tão bem construído que é impossível não se apaixonar. Não temos aqui apenas um romance, onde a história beira o clichê, como a do patinho feio virando o cisne, mas uma história de construção do amor. Onde sentimentos nasceram de uma amizade simples e verdadeira, com personagens mais reais, audaciosos, maduros, que descobrem um no outro o que faltava em ambos.

Eu te amo mais do que tudo. Pelos filhos que teremos, pelos anos que passaremos juntos. Por cada um dos meus sorrisos e mais ainda pelos teus.


Eu tentei de diversas maneiras escrever essa resenha, eu queria expor todos os motivos que me levaram a me apaixonar por esses personagens e história, mas não queria soltar spoiler e tirar de vocês o prazer descobrir ao lerem. Espero de coração, ter conseguido transmitir o suficiente para despertar o interesse de vocês em lerem, sem comprometer a resenha.

Até a próxima! Bye.

CONVERSATION

0 comentários:

Postar um comentário

Back
to top