Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

[ESPECIAL - OS SULLIVANS] RESENHA: Não Posso me Apaixonar (Os Sullivans #3) - Bella Andre / Editora Novo Conceito




Sinopse: Gabe Sullivan é um bombeiro de São Francisco que arrisca sua vida todos os dias. E sabe, por experiência própria, que não deve se envolver com as vítimas de incêndios. Megan Harris admite que deve tudo ao heroico bombeiro que entrou no prédio em chamas para salvar sua filha de sete anos. Ela lhe deve tudo, exceto seu coração, pois, após perder o marido, cinco anos antes, jurara nunca mais sofrer por amor e pela perda. Contudo, quando Gabe e Megan se reencontram e as chamas incontroláveis do desejo se acendem, como ele poderia ignorar a coragem, a determinação e a beleza dela? E como ela poderia negar não apenas o forte vínculo de Gabe com sua filha, mas também a maneira como seus beijos carinhosamente sensuais a induziam a colocar em risco tudo o que manteve por tanto tempo? A atração entre Gabe e Megan é irresistível, e se ambos não forem cuidadosos, correm o risco de se apaixonar.
  SKOOB ❤ COMPARE&COMPRE ❤ AMAZON 


NÃO POSSO ME APAIXONAR, é o terceiro volume da série Os Sullivans, e nos apresenta Gabe. Em relação aos dois primeiros livros, eu achei este em especial mais emocional, até o momento foi o que me arrancou lágrimas. É impossível conter a emoção diante da narrativa envolvente e o enredo sensacional desta trama.

Gabe é bombeiro, um homem sexy, divertido, alto astral, corajoso, forte, determinando e que ama sua profissão. Ele prefere manter sua vida profissional, longe da pessoal, por isso tem como regra nunca, em hipótese alguma se envolver com alguma vítima que ele resgatou – ele já cometeu este erro e não pretende voltar a repeti-lo, o que estava tudo bem, até que ele se viu resgatando Megan e Summer.

Megan é guerreira. Uma mulher forte, brilhante e que vai sempre à luta. Viúva após a morte precoce do marido em um acidente de avião, jurou nunca mais se envolver com um homem que arriscasse a vida, ela não queria ver sua filha tendo que sofrer novamente pela perda da figura paterna. Ela cria sua filha Summer sozinha, fazendo o possível e o impossível para manter sua pequena família feliz e bem. Só que a vida não pega leve com ela, e como se não bastasse toda a carga que ela já teve que carregar, seu apartamento está em chamas e ela presa com sua filha no banheiro – Consegue imaginar o desespero? Saber que sua vida está a um fio e que seu filho também pode morrer?

"Ela sempre soube não ser forte o suficiente para estar com um homem que arriscava a vida todos os dias"

Quando Gabe e Megan se encontram ambos estão decididos a manter o outro longe, nenhum deles quer admitir que podem ser a cura, o refrigério do outro. Eles não conseguem olhar para longe dos próprios medos, das barreiras que criaram para se manterem “seguros”, e é ai que Summer e família Sullivan entra, eles não dão apenas uma forcinha, eles dão o empurrão todo. É totalmente compreensivo o medo e as inseguranças dos personagens, por isso se envolver com a história foi muito fácil.

"Às vezes, quando as coisas ficavam muito difíceis, o melhor a fazer era deixá-las de lado. Porque, às vezes, fingir era a única maneira de continuar vivendo.”

Megan me cativou, me deixou com o coração apertado e tremendamente orgulhosa, mesmo diante da triste realidade de perder tudo - o que eu não sou capaz nem de imaginar sem sentir um dor profunda no coração -, ela jamais desanima, essa mulher ressurge das cinzas e mais forte, mais determinada, mais focada, ela enfrenta tudo de peito aberto. Ela vive para fazer sua filha feliz, ela vive para não deixar transparecer esta dor. O que gente, não deve ser nada fácil ou simples.

Já a pequena Summer, meu Deus, que linda, que carisma, que inteligência, ela tomou conta das cenas em que apareceu, a menininha é esperta, e mesmo sem perceber é ela quem cuida da mãe, que tem essa necessidade de proteger. Ela fez toda a diferença no livro, suas armações, seu talento para ser cupido, me fascinaram. E quando você pensava, agora o livro vai cair no clichê novamente, lá estava Summer para provar o contrário, ela fez com que a história saísse da mesmice.

Já Gabe ele é doce. E mesmo diante de todos os obstáculos ele lutou bravamente, ele arrisca a sua vida para salvar vidas, ele é generoso, tem um coração enorme e é impossível não se apaixonar por ele, até quando ele está sendo um babaca teimoso.

"Ela pressionou os lábios um pouco mais para baixo, bem abaixo do queixo, contra os pelos escuros eriçados, bem onde o batimento dele pulsava sobre a pele"

A principal lição deste livro em minha opinião é que fugir, que se esconder e temer é a mesma coisa que anular a própria felicidade, nós seres humanos somos falhos e temos a tendência de errar, criar grandes expectativas e nos decepcionar, a vida nem sempre é fácil, mas acima de tudo ela é frágil e nos dá apenas uma chance, então... Aproveite-a sem medo de arriscar e ser feliz.

“Seus lábios se encontram momentos depois, quentes e famintos, muito além da delicadeza e da doçura. Era um beijo que esteve prestes a acontecer mais de uma vez e que agora estava completamente fora de controle.”

Bella Andre se superou mais uma vez, o livro está na medida perfeita e a história viciante e cativante, eu termino de ler seus livros já desejando, ou melhor, necessitando ler o próximo, acho que jamais irei conseguir me despedir desta família maravilhosa.

E vamos que vamos, que estamos apenas na terceira história ainda.



TÁ ROLANDO, ESPECIAL OS SULLIVANS - Participe.


- Comentar em TODAS as postagens relacionada ao ESPECIAL OS SULLIVANS, para facilitar deixarei a imagem abaixo em todas elas.
- Seguir o blog Letras & Livros
- Compartilhar o post fixo na FANPAGE em modo público - AQUI
- Marcar 3 amigos nos comentários.
- Curtir a fanpage da Editora Novo Conceito - CLIQUE AQUI

P.S. Válido apenas para entrega em território nacional.

Para acessar o primeiro post - CLIQUE AQUI

Para acessar o segundo post - CLIQUE AQUI
Para acessar o terceiro post - CLIQUE AQUI



Até a próxima! Bye.
Image and video hosting by TinyPic

CONVERSATION

2 comentários:

  1. Ah Gabe, tão fofo!
    Foi meu primeiro Sullivan!
    O Gabe é legal mas a Summer roubou meu coração!

    ResponderExcluir
  2. O Gabe é o meu segundo favorito! Porque numa família com homens assim, não tem tempo ruim.

    ResponderExcluir

Back
to top