[RESENHA] Ligue-me Amanhã – Luna Bravin / Editora Bezz

13 novembro 2015



Ligue-me Amanhã - Luna Bravin

Sinopse: Evelyn mudou-se para os Estados Unidos, aos 17 anos, no último ano de escola, para fazer intercâmbio. Por causa de um garoto e da qualidade de ensino do local, ela nunca mais voltou. Entrou para a mesma faculdade que seu “peguete” e acabaram namorando sério. Ficaram noivos, por três anos, e, antes do último ano da faculdade, eles decidiram casar-se após a formatura. Com 24 anos, vestida de noiva e ansiosa para a cerimônia, Evelyn foi largada, no altar, por James, seu noivo, que fugiu com seu caso amoroso que, na verdade, já existia há três anos. Desiludida, Evelyn trocou sua passagem, com destino à lua-de-mel, por outra, com rota para seu país. No aeroporto, quando foi tomar um café para despertar, sem querer, acabou trocando seu aparelho de celular com o do homem que havia sentado ao seu lado, na sala de espera. A partir desse acontecimento, em meio ao tumulto e confusão gerados pelo fim de seu noivado de anos, ela fez o que podia para descobrir quem, da lista de seus contatos, porventura, estava telefonando para o seu celular, ligando para o estranho que ficou com seu aparelho. Mas, o homem, infelizmente, foi para os Estados Unidos, não tendo data para retornar. Dessa maneira, Evelyn terá que, já vivenciando um drama íntimo, ainda reconquistar as amizades que deixou para trás! Mas, em contrapartida, também terá a chance de descobrir que perdas dolorosas podem trazer finais felizes, no fim das contas.
P.S. Livro recebido em cortesia pela editora parceira.

 SKOOB ❤ AMAZON ❤ FÍSICO 

É tão bacana pegar um livro e a leitura fluir com tanta naturalidade que você se perde por entre as páginas se esquecendo dos problemas, do horário e de tudo a sua volta. Tudo o que você sente são as emoções dos personagens, tudo o que você quer é ser parte do enredo e então ele chega ao fim e o único sentimento que restou foi saudade.

LIGUE-ME AMANHÃ é fofo ao extremo, é um romance tão natural, leve e divertido que você lê com um sorrisinho bobo nos lábios. Com personagens bem construídos, cenários bem explorados e um enredo viciante, a obra me conquistou e me deixou surpreendida pelo talento da autora.

Evelyn acaba de ser abandonada no altar e como se não bastasse toda a humilhação de ser deixada sozinha em seu grande dia, ela descobre que a traição do noivo já dura a três anos. Desolada ela apenas quer sumir da cidade, voltar para casa, para o Brasil, para suas raízes, reencontrar velhos amigos, poder rever o antigo amor que nunca teve a chance de ser consumado e recomeçar. Evelyn é ousada, divertida e mesmo diante de tanta provação ela não deixa a peteca cair, claro que sua cura não acontece de imediato e que ela chora por seu relacionamento fracassado, mas ela é forte e não demora muito a se obrigar a se dar outra chance e tentar ser feliz.

"Tenho raiva por não ter chegado onde queria. Por não ter sido eu mesma. Por ter me deixado levar por coisas banais e que não me traziam a felicidade..."

Mas, como o destino adora pregar peças, ainda no aeroporto Evelyn tem seu celular trocado e ela só vem a descobrir isso já em sua casa. Como tentativa de desfazer o mal entendido, ela liga para seu próprio número e descobre que um Estranho da voz rouca está com ele, um estranho divertido, desinibido,  que não se faz de rogado ao mexer em suas imagens e futricar cada detalhe oculto.



Ele não pode encontrar com ela, seu avião já está decolando. Ela não tem outra opção a não ser confiar no Estranho que lhe oferece ajuda e apoio. Ambos estão ligados por aqueles aparelhos. Ele sabe o nome dela e ainda por cima tem suas fotos. Ela está no escuro, sem nome, sobrenome ou fotografias, tudo o que ela tem é a promessa de que o Estranho irá voltar, devolver seu celular e enfim dizer seu nome.

A amizade entre eles é uma delicia, conforme os dias vão se passando as conversas vão ficando mais íntimas, eles passam a compartilhar histórias do passado e muito mais sobre si mesmos. O amor nasce tão naturalmente que nos sentimos tão apaixonados quanto eles, torcendo para que esse encontro aconteça rápido e que possamos enfim dar um rosto e nome para o desconhecido.

“Pare de ver tanto minhas fotos.” “Impossível. Droga, estou duro de novo.” “Boa noite, Estranho.” “Boa noite, Olhos Azuis. Ligue-me amanhã.” “Ok.”

Mas esse retorno não trouxe apenas uma nova perspectiva de recomeço e uma amizade às escuras, trás também uma noticia que abala o mundo de Evelyn, um de seus melhores amigos, aquele por quem ela um dia foi apaixonada não está mais presente e ela irá embarcar em uma viagem onde tudo pode acontecer, a fim de realizar seu último desejo.

"Eu gosto de você, Estranho. Eu gosto mesmo. Você me ajudou quando eu mais precisei. Você me colocou para cima. Você me apoiou. Mas... Meu coração sempre terá um lugar especial para o Eduardo."

Cheguei a pensar que seria uma história previsível, que eu sabia quem era o estranho e tudo mais, só que a autora com toda sua sabedoria foi e me provou que eu não sabia nada, que previsível era apenas meu julgamento, ela me surpreendia e me enganava a cada capítulo, me deixando confusa e necessitada por desvendar o mistério por trás da história. E valeu cada página lida, cada detalhe descoberto e cada suspiro.

Falando sobre amor, perdão, escolhas, amizades e família, Ligue-me Amanhã é uma obra maravilhosa que nos permite muitos momentos de reflexão, risadas e emoção na medida perfeita.


Luna foi incrível ao conseguir nos deixar presos até a última página, ela sabe como envolver e desenrolar seu enredo sem nenhuma dificuldade. Apesar de este ser meu primeiro contato com a autora já posso afirmar que ela ganhou uma fã e que estou ansiosa para ler mais de seu trabalho.



Até a próxima! Bye.
Image and video hosting by TinyPic

Um comentário

  1. Confesso que, não achei esse livro essas coca cola toda, sabe ? Não é minha pior leitura, mas não iria considerar a melhor. Eu adoro clichês, quanto mais clichê melhor para mim, mas apesar de amar tenho uma pé atras com previsibilidade.

    ResponderExcluir

© BLOG ATITUDE LITERÁRIA- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por