[RESENHA] Minha Julieta – Série Starcrossed Livro 02 – Leisa Rayven – Editora Globo





Minha Julieta - Série Starcrossed Livro 02 – Leisa Rayven.

Sinopse: Alguns amores nunca te deixam ir ...Cassie jurou que nunca iria perdoar Ethan por quebrar o coração dela, quando eles estavam juntos anos atrás. Ele era seu grande amor , e quando ele se recusou a amá-la de volta , uma parte dela morreu para sempre ... ou assim ela pensou. Agora ela e Ethan estão compartilhando um palco da Broadway , e ele está determinado a reconquistá-la . Finalmente ele é capaz de dizer todas as coisas que ela precisava ouvir ... mas ela pode acreditar nele ? Será que ele realmente mudou , e o que faz com que esta mudança seja diferente de todas as suas outras promessas não cumpridas? A resposta está em algum lugar do passado, e agora a verdade virá à luz . Cassie voltará a confiar da maneira como ela era antes com Ethan ? Ou é tarde demais para estes amantes estrela-cruzados ? Não perca este final hipnotizante da continuação de 'Meu Romeu' , a história de amor inesquecível, que capturou os corações de mais de dois milhões de fãs online.
P.S. Livro cortesia da Editora Globo.

 SKOOB ❤ AMAZON ❤ COMPARE&COMPRE 


Como leitora toda vez que um livro me conquista completamente – Meu Romeu, confira a resenha AQUI -, e tem uma sequencia, eu fico com o pé atrás, com medo de que a autora se perca, enrole ou crie um desfecho que acabe decepcionando, mas para meu total deleite isso não aconteceu, MINHA JULIETA veio para fechar com chave de ouro e finalizar uma verdadeira história de amor e superação com muita elegância, sabedoria e riqueza. Estou apaixonada e muito feliz em poder dizer que mesmo sendo apresentada a um clichê e previsível fim, a obra conseguiu me surpreender e roubar meu fôlego.

MINHA JULIETA nos leva de volta para os bastidores do teatro, nos guiando diante de uma dança perfeita entre o passado e o presente, onde a autora se torna nossa coreografa ditando cada novo passo e nós como bons bailarinos/leitores a seguimos sem questionar. Uma viagem pela confusa e turbulenta cabeça de Ethan Holt e Cassandra Taylor, dois seres destinados a ficarem unidos, com um amor que transcende a razão e que precisa enfrentar o maior obstáculo de todos, eles mesmos.

“(...) Todo mundo usa máscaras metafóricas a vida toda. Todos nós temos diferentes faces que mostramos aos nossos colegas de trabalho, ou amigos, ou família. Às vezes usamos tantas máscaras que esquecemos quem somos por trás delas, mas é preciso encontrar coragem para abandonar toda essa enganação e revelar seu verdadeiro. É só isso que eu quero que faça. É só isso que sempre quis.”

Ethan está de volta totalmente renovado, maduro, confiante, determinado e ainda mais focado. Uma força da natureza poderosa, irradiando convicção e permitindo que seus sentimentos e medos que antes eram tão bem trancafiados e aprisionados, se libertassem e encontrassem uma maneira de se revelar a Cassie, permitindo que sua alma ficasse descoberta e torcendo para que assim, fosse compreendida e perdoada.

“– Você quer se apoiar em alguma coisa? – Diz ele. – Apoie-se em mim.”

Cassie que no primeiro livro era tão forte e destemida, que lutava bravamente para conseguir fazer com Ethan enfrentasse seus medos e desse a ela uma chance, está mais arredia, com medo de perde o controle, de deixar que as muralhas levantadas em volta do seu coração se partam e caiam a deixando vulnerável e ferida novamente. E conforme vamos lendo, tendo contado com os relatos dos anos que antecederam esse reencontro, vamos ficando mais consciente de que toda sua cautela não é em vão e sim muito bem fundamentada.

“O primeiro soluço doí tanto que chego a achar que me machuquei de verdade. O segundo não é melhor. Então, tudo o que eu sou é dor, e lágrimas, e erros, e quando enfio o rosto no meu travesseiro, tudo que sinto é o perfume do homem responsável por isso.”

Ethan e Cassie já não são mais os jovens em fase de descoberta, eles não estão desvendando o amor, a paixão e o desejo, mas sim dois adultos que precisam saber lidar com seus sentimentos, colar cada pedacinho quebrado e lutar para serem capazes de perdoarem a si mesmos e um ao outro. Eles são o ponto fraco um do outro, imãs que se atraem e se repelem na mesma proporção.

“– Antes eu achava que podia ser o que você precisava. Mas achar e saber são duas coisas diferentes. Agora eu sei. Me deixa provar que posso amá-la do jeito que você merece.”

São duas pessoas feridas, marcadas por escolhas equivocadas que foram embasadas em achismos, dúvidas e fugas impulsivas. Dois seres que precisam encontrar um ponto de equilíbrio, uma maneira de se curar, se fortalecer e poder seguir em frente.

Os personagens secundários não foram deixados de lado e voltam para garantir que daremos muitas risadas, permitindo que o enredo fique mais descontraído e leve. Tornando a trama que já é boa, ainda melhor.

MINHA JULIETA é um livro sobre encontrar um amor poderoso que vai enfrentar longas tempestades e incontáveis obstáculos, mas que acima de tudo vai perdurar por anos e anos apenas esperando o encaixe perfeito de dois corações que só são completos quando unidos. Uma história envolvente sobre segundas e terceiras chances. Uma trama que trabalha o perdão e a superação, cura e amor.

“(...) Sexo é fácil. É uma coceira que precisa ser coçada, e mesmo adorando fazer sexo com você, o que desejo de você não é fácil. É bagunçado e complicado, e cheio de tanta paixão que não tenho ideia de como lidar com isso tudo. Mas vou encontrar um jeito, porque amo você. E o amor é difícil, mas vale a pena. E espero que um dia se dê conta que eu valho a pena também.”

Uma das lições mais valiosas que levarei desta obra é acima de tudo a confirmação de que quando se trata de amor VERDADEIRO é que ele sempre será improvável, incoerente, indecifrável e muitas vezes insensato. Que ele requer dedicação, compreensão, aceitação, confiança e respeito. Que a perfeição está justamente na imperfeição, nas marcas e rachaduras adquiridas que os erros deixaram, nos remendos que enfeitam um coração que após tanto guerrear agora pode se assumir mais forte.

“Embora seja possível que alguns de nós se percam no labirinto das próprias inseguranças, não é impossível encontrar a saída(...) Nenhum de nós é perfeito, isso é certo, mas quando estamos juntos, nossas deficiências são complementadas pelos pontos fortes do outro.”

Leisa Rayven tem o algo a mais em sua escrita que cativa e vicia. Que deixa a nossa mente borbulhando, precisando de mais e mais. Uma das coisas que mais amo sobre a autora e suas obras é a sensação maravilhosa de estar assistindo a um filme enquanto leio. O tipo de roteiro que te leva das gargalhadas as lágrimas e que no final além de te deixar com a respiração entrecortada e sem fôlego, te deixará com o aperto no peito de pura saudade.

Espero de coração ter conseguido transmitir um pouquinho do quanto está obra me conquistou, e do quanto eu RECOMENDO sem medo de dizer que vale muito a pena ser lida. A autora acertou em cada pequeno detalhe, tem drama, comédia, romance e sensualidade dosados na medida perfeita, permitindo que assim você tenha uma leitura surpreendente e deliciosa.




Parabéns a Editora Globo pelo trabalho maravilhoso. E obrigada por me convidarem para participar desta ação de divulgação da obra.

Estou na torcida para que a Editora Globo adquira os direitos de publicação do livro Wicked Heart, que contará a história de Liam e Elissa, ansiedade já me define.


Até a próxima! Bye.

Image and video hosting by TinyPic

CONVERSATION

4 comentários:

  1. ahhhh quero tanto ler essa história!!! Me convenceu Bia!!!! Amo suas resenhas!!!

    ResponderExcluir
  2. Como sempre: Impecável! Amei esse livro e a sua resenha.
    Você como sempre, escreve com a alma. :)

    A minha sorte é que eu já li, caso contrário ia ficar roendo as unhas. hahahah

    ResponderExcluir
  3. com certeza um dos livros do ano! amei! apesar de já ter lido a prova, ansiosa pelo meu livro na estante! Parabéns pela resenha flor, Beijos Diana Medeiros Meu Vicio em Livros

    ResponderExcluir
  4. E eu estou aqui, me debulhando em lágrimas, e ansiosa para começar a ler Minha Julieta.
    Linda a resenha, Biia.
    Parabéns, minha amiga.

    ResponderExcluir

Back
to top