Tudo e Todas as Coisas - Nicola Yoon



Sinopse: Minha doença é tão rara quanto famosa. Basicamente, sou alérgica ao mundo. Qualquer coisa pode desencadear uma série de alergias. Não saio de casa nunca sai em toda minha vida. As únicas pessoas com quem convivo são minha mãe e minha enfermeira, Carla. Eu estava acostuma com minha vida até o dia que ele chegou. Pela janela olho para o caminhão de mudança, e então o vejo. Ele é alto, magro e está vestindo preto da cabeça aos pés. Seus olhos são de um azul como o oceano. Ele me pega observando-o e me encara. Encaro-o também. Descubro depois que seu nome é Olly.
* Livro Cortesia da editora parceira. 
 SKOOB ❤ AMAZON ❤ COMPARE&COMPRE 

Antes de começar a resenhar está obra, eu preciso dizer a vocês que nada, absolutamente NADA me preparou para a quantidade de emoções que senti ao ler este livro. Eu costumo dizer que a leitura tem muito a ver, com o momento em que se está vivendo, com o seu estado de espírito e por está razão ela marca, ou passa insignificante. E neste momento da minha vida, essa obra foi um grande presente. Uma leitura que me marcou de maneira intensa e inexplicável.

TUDO E TODAS AS COISAS, fala principalmente sobre o dom da vida e saber vivê-la. Aproveitar as coisas boas, se entregar ao presente, ao que se tem e apenas aceitar que as pequenas coisas, os pequenos detalhes são realmente o que importam.




Madeline é vítima, escrava de uma doença raríssima IDCG ( Imunodeficiência combinada grave -, mais conhecida como a síndrome das crianças bolhas), que nada mais é do que uma deficiência grave do sistema imunológico, que torna a pessoa portadora de tal, alérgica ao mundo exterior. Por está razão, Madeline com seus dezessete anos, NUNCA saiu de dentro da sua casa, ela não pode ter contato com qualquer pessoa, não pode comer qualquer coisa... Tudo em sua vida é regrado e meticulosamente planejado, para evitar assim que seu corpo entre em colapso ocasionando sua morte.

Sabe quando você se dá conta do quanto sua existência é insignificante? O quanto deixamos passar pequenos detalhes todos os dias, não nos dando conta do quanto eles fazem sim diferença e são valiosos? Este livro toca bem nessa ferida. Do quanto ignoramos o prazer de apenas abrir a porta, janela de casa e respirar profundamente. De poder acordar e abraçar sua família, sair para ir ao trabalho, escola... Ter uma rotina “normal”. Madeline, não tem nada disso.

Essa personagem é fascinante. Ela me cativou desde a primeira palavra. Forte, madura, determinada, inteligente, leve e divertida. Mesmo diante de um estado de saúde debilitado, ela é FELIZ, faz planos. Madeline enxerga a vida de um modo único, ela tem sua própria perspectiva de como as coisas são. Ela tem fome de aprender, de sentir, de viver e nos dá verdadeiros tapas na cara a respeito de aceitação e vida.

Entretanto, como sempre costumo dizer, a vida tem seu jeitinho de nos desafiar. E com Madeline não foi diferente, em um dia que tinha sido programado para ser exatamente como todos os outros, um barulho de caminhão de mudança, aguça sua curiosidade, e ao olhar pela janela, ela descobre que tem vizinhos, e entre eles está Olly.

Olly chega como uma brisa fresca em meio ao verão, como o raio de sol em meio a um inverno congelante. Ele desafia, instiga e atrai Madeline para descobrir um novo lado de si mesma. Ele muda a vida dela, ele a vira de cabeça para baixo...

“Se a minha vida fosse um livro e eu o lesse de trás para frente, nada mudaria. Hoje é o mesmo que ontem. Amanhã será o mesmo que hoje. No Livro de Maddy, todos os capítulos seriam o mesmo. Até Olly aparecer.”

Madeline passa a sentir coisas que nunca sentiu. Passa a desejar coisas que sabe que não pode ter. Ela passa a questionar se vale a pena viver sem exister? O que antes estava bom, agora já não é mais suficiente. E é quando tudo entra em colapso. E o que ela jamais se quer imaginou acontece...

“Pela primeira vez em muito tempo, desejo mais do que aquilo que tenho.” 

Seres humanos são falhos, egoístas e medrosos. Por medo de perder, por medo da solidão, da dor e de nós mesmos, nos tornamos fracos e cometemos erros. A vida é um dom, aproveite.

Não posso dar spoiler, então vou ficando por aqui... Mas o que digo é que LEIAM. Vocês irão se surpreender.

Nicola escreve de maneira envolvente, viciante e marcante. A forma como cada palavra, cada pequena foi virgula foi empregada é rico e lindo. Ela conseguiu criar algo único e se você ainda não notou, vou te contar, eu AMEI.

Parabéns a Editora Novo Conceito pelo trabalho maravilhoso. A capa é PERFEITO e a diagramação do livro é primorosa. Obrigada por trazer até nós este livro maravilhoso.
Leia, sinta, se permita... Está obra tem muito para te acrescentar. E você com certeza irá se surpreender.


Curiosidade:
Os direitos cinematográficos do livro foram comprados pelo MGM, então podemos surtar, porque em breve teremos essa bela obra nas telinhas também.

Se preferir, pode conferir a resenha em vídeo:





Até a próxima! Bye.

Image and video hosting by TinyPic

Deixe um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...