Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

[RESENHA] Para Sempre Minha Garota - Heidi McLaughlin | Editora Charme


Dez anos se passaram desde que Liam Page deixou a pacata cidadezinha de Beaumont sem olhar para trás. Ele realmente fez de tudo para bloquear tudo e todos quando partiu, mudou de endereço, de telefone, e seguiu atrás de um sonho recém-descoberto. Dez anos desde que deixou para trás o grande amor de sua vida, a musa que o inspira a compor as canções mais belas, a única que já foi capaz de domar seu coração, mais isso é passado, ou pelo menos era até ele receber a triste noticia de que seu melhor amigo morreu tragicamente, deixando uma esposa linda e duas filhas pequenas.

Uma parte de Liam sabe que ele não deveria voltar e se fazer presente, ele compreende que ao sair da cidade abriu mão de muita coisa, inclusive de seus amigos, mas ele precisa se despedir, prestar uma última homenagem e garantir que a viúva está bem. Porém, retornar para Beaumont faz com que velhas feridas sejam abertas, vai coloca-lo cara a cara com seu passado e enfrentar tudo que lhe espera não será uma tarefa fácil.


“Eu arruinei a vida dela. Era isso que dizia a mensagem de voz que ela mandou. A mesma que eu tenho salva há dez anos. A mensagem que transferi de celular em celular só para poder ouvir a voz dela quando estou nos meus piores momentos.”

Josie sofreu muito quando foi deixada para trás sem nenhuma explicação. Ela acreditava ter encontrado o homem de sua vida, a pessoa com quem dividira tudo. Entretanto não foi bem assim que as coisas aconteceram. Ela seguiu em frente, recolheu seus pedaços e se esforçou muito para proteger os que ama, mas seu coração nunca mais foi completo, um pedaço dele seguia preso a Liam. Por essa razão quando ela se depara com ele dez anos depois da última vez em que o viu pessoalmente, um turbilhão de emoções ameaça quebrá-la. Amor e raiva passam a duelar dentro de si. Existe tanta mágoa, frustração, rancor e algo muito especial que eles compartilham, só que esse pequeno milagre ainda é um segredo e Liam está prestes a descobrir da maneira mais inconveniente possível.


"O amor da minha vida não morreu, ele só decidiu que eu já não era o que ele precisava na vida então foi embora. Não tive que enterrá-lo ou limpar seu escritório. Ele levou meu coração com ele quando fechou a porta."

Liam Page é um astro da música, foi em um palco, compondo e cantando que se encontrou. Um sonho que ele adquiriu, mas que nunca compartilhou, o que me levou a acreditar que nem sempre ele foi cem porcento sincero com Josie. Uma parte sua seguia oculta. Liam e Josie se conheceram no colégio, compartilharam um amor intenso, divertido, que parecia ser para a vida toda, só que abruptamente Liam vai embora, ele some e pronto, ele não valida o sentimento dela, se colocando em primeiro lugar, foi egoísta e mesmo depois de conhecer as razões por trás de tal ato, não me senti convencida. Mas quem sou eu para julgar? Quando se é jovem as coisas realmente possuem uma dimensão diferente, e nem sempre se pensa com clareza e coerência. Talvez por isso ele tenha agido por impulso. Quando Liam retorna fica obvio que seus sentimentos por Josie não mudaram ao longo dos anos, ela ainda o deixa inquieto, faz seu coração disparar e o corpo tremer, e para completar o pacote ela não está mais sozinha, tem ao seu lado um pedaço de Liam e um noivo. O amor da juventude teve frutos e talvez dez anos seja tarde demais, um período muito longo para tentar recuperar e reparar os danos.

Liam é o tipo de personagem carismático, que amadurece e cresce muito ao longo de cada capítulo e acompanhar essa evolução faz com que nos sintamos mais próximos a ele e até o perdoemos pelos erros do passado. O homem é determinado, persistente e transborda emoções. Josie por outro lado é o tipo de personagem que passamos a obra inteira desejando que encontre o feliz para sempre, em determinados momentos queremos que ela siga em frente, que faça Liam sofrer e em outros ficamos na dúvida se realmente é isso que desejamos. Os personagens secundários roubam a cena em algumas cenas, talvez pelas circunstâncias que estão enfrentando, ou porque sou sentimental mesmo e me identifiquei mais com elas.


“Eu posso senti-lo; senti-lo se movendo em toda a minha pele como se ele nunca tivesse ido embora.”

Uau... Dificil falar de uma obra tão ambígua, que me despertou tantos sentimentos contraditórios, da qual ainda não tenho certeza se amo ou apenas gosto. Sou o tipo de leitora maluca viciada em romances, principalmente aqueles bem dramáticos, com reviravoltas, reencontros e amores a serem reconquistados. E em PARA SEMPRE MINHA GAROTA encontrei tudo isso, porém senti falta de algo, de uma intensidade, de uma conexão mais forte entre o casal protagonista, não que isso tenha tornado a história ruim, jamais. Ela apenas não alcançou todas as minhas expectativas.


“(...)Você vai ser para sempre a minha garota.”

PARA SEMPRE MINHA GAROTA entrega mais do que realmente aparenta. Ele fala de família, de amizade verdadeira, da importância do diálogo, de sacrifício, recomeços, perdão, amor que tudo supera, que tudo suporta, que tudo enfrenta. É uma leitura leve, despretensiosa e gostosinha. O que me chateou é que senti que a autora poderia ter se aprofundado mais, ter explorado melhor os protagonistas e sua relação. É importante ressaltar que essa é minha opinião, que sou movida pelas emoções, pelo que estou passando e pelo que acredito. Mas que se você ler, tudo pode ser diferente. Então se permita.


Parabéns a Editora Charme pela capa linda, ela por si só conversa com o leitor, a diagramação também está impecável e como sempre aquela qualidade charmosa que aquece nosso coração.

CURIOSIDADES:

PARA SEMPRE MINHA GAROTA foi adaptado para o cinema. E você pode conferir o trailer.



P.S. Existem muitas diferenças da história original para a adapta, portanto não se baseie pelo trailer.


PARA SEMPRE MINHA GAROTA, The Beaumont Series - Vol. 1 - Heidi McLaughlin

Sinopse: Não era para eu ser um rock star. Minha vida já tinha sido toda planejada para mim. Jogar futebol americano na faculdade. Entrar para a NFL. Me casar com minha namorada do colégio e viver feliz para sempre com ela. Parti o coração de nós dois quando falei que estava indo embora. Eu era jovem. Tomei a decisão certa para mim, mas a decisão errada para nós. Coloquei toda a minha alma na minha música, mas nunca a esqueci. Seu cheiro, seu sorriso. E agora eu vou voltar. Depois de dez anos. Espero que possa explicar tudo isso, depois de tanto tempo. Ainda quero que ela seja para sempre minha garota.
Ficha técnica:
Romance | Editora Charme | 1° Edição | 2017 | 272 Páginas | Cortesia | Classificação: 4/5 | SKOOB

Compre aqui: AMAZON - CULTURA - TRAVESSA - FOLHA - LOJACHARME

CONVERSATION

3 comentários:

  1. Oi Bia, não tenho essa sua alma caridosa, quando se trata de personagens de livro julgo sem dó nem piedade kkkkk e acho que por isso tô com o pé atrás com essa história, o cara vai embora e só retorna 10 anos depois porque perdeu um amigo, é triste essa parte mas não lhe concede pontos pro perdão a meu ver rsrs. Ainda assim, tenho lido algumas resenhas boas desse livro e mesmo quando ele não conquista totalmente o leitor como aconteceu contigo, me faz crer que vale a pena ler pra ver :D E tem ainda o filme, então pretendo conhecer essa história de alguma forma futuramente, seja assistindo ou lendo, ou ambos :) Ótima resenha ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooooiii Lili, tudo bem?
      kkkkkkkkkkkkk eu sempre tento compreender os dois lados da situação. Confesso que aqui Liam me tirou totalmente do sério e algumas coisas me deixaram na dúvida quanto a veracidade dos fatos.
      Leiaaaaaaaaaaaaaaaaa o livro, por favor <3 Pelo que vi do Trailer um elemento - o que considerei o mais especial -, foi alterado. Então você precisa se apaixonar pela história original antes de ver a adaptação kkkkkkkkkk

      Beijoooooos

      Excluir
    2. kkkkkk tá certo, vou tentar ler antes de ver o filme :D :D

      Excluir

Back
to top