RESENHA: O Segredo de Helena – Lucinda Riley | Editora Arqueiro

“O tempo presente contém o passado. O que acontece hoje tem uma relação profunda com a nossa história, pontuada de tragédias e desmandos.” - Milton Hatoum

Ainda me surpreendo com a capacidade que a Lucinda possui de criar uma narrativa tão particular e envolvente. A maneira como ela conduz seus enredos e nos apresenta seus personagens cria um lanço, uma empatia e nos faz sentir próximos, quase que mantendo uma relação de intimidade. Talvez seja a forma como ela apresenta o passado e o une ao presente, mostrando o efeito que um tem sobre o outro, seja pelas escolhas, decisões e então, as consequências. E isso com certeza torna a experiencia de leitura muito gratificante e especial.

Helena é uma mulher querida por todos que a conhecem, linda, forte e gentil. Uma mãe dedicada, vista por muitos como “perfeita”, mas nem tudo que se vê realmente é. Helena possui um segredo, um capaz de perdurar por anos, sempre queimando em sua alma e atormentando o seu coração. Segredo esse que pode ser capaz de destruir tudo o que ela conquistou. E a ameaça se torna ainda maior quando ela herda a casa de seu padrinho, onde toda sua história de fato começou, no Chipre, a mágica – PANDORA -, sim, esse é o nome com o qual a casa foi batizada. E voltar até lá, ainda que anos depois, reunindo familiares e amigos, pode significar dar voz a famosa caixinha de pandora da mitologia grega.

“— Bem, aquele verão que passei aqui certamente moldou meu futuro. Não é incrível ver como cada decisão que tomamos afeta a decisão seguinte? — refletiu ela. — A vida é um conjunto de dominós em queda; está tudo conectado. Dizem que podemos descartar o passado, mas não podemos, porque ele faz parte de quem somos e de quem vamos ser.”

UAU... Lucinda tem esse poder de me roubar as palavras. Nunca sei como resenhar uma obra sua, e este livro em especial é como um emaranhado, uma teia muito bem elaborada e cheia de nós, implorando desesperadamente para ser desvendada.

Helena é o alicerce desta história, ela herda a casa, insiste em levar toda família de férias para lá e acaba por abrigar uma família muito próxima a seu marido, sua melhor amiga e enteada. E em função disto somos apresentados as muitas facetas desta mulher, a mãe, a madrasta, a amiga, a anfitriã, a esposa... Só que retornar a esta casa após tantos anos é como reabrir velhas feridas, Alex seu primogênito está obcecado em descobrir quem é seu verdadeiro pai, o que a tem deixado desconfortável, mas como impedir a impetuosidade de um jovem curioso?

“Dizem que a gente deve ter cuidado com o que deseja, porque talvez não goste quando o pedido se realizar. E eu não gosto.”

Alex tem apenas treze anos e uma inteligência fora do normal. Seu humor é ácido e sua doçura inegável, existe uma sensibilidade no jovem, algo que nos atrai em direção ao que tem a falar. Vivenciar as circunstâncias através de seus olhos torna a leitura ainda mais especial, porque ele sempre tem algo muito dele a acrescentar. Para mim se tornou o grande destaque da narrativa, roubando a cena com a leitura de seu diário, por diversas vezes se posicionando como o alívio cômico.

Falando assim parece que estou retratando uma história superficial, mas não estou. O SEGREDO DE HELENA, vai muito além de apenas o segredo de uma mulher. É um livro que em sua essência traz diversas relações familiares, abordando temas importantes e relevantes. A autora usa como cenário a maravilhosa Chipre na Grécia, mais precisamente uma casa de estruturas lindas e carregada de segredos, quase que mágica – PANDORA -, e ali desenrola sua trama. Primeiro nos apresentando um jovem inquietante, sem seguida sua mãe e todos os demais que vão se inserindo em sua casa. Conhecendo o passado, os caminhos que levarão cada uma até ali e um desenrolar de arrepiar.

“Então, era isso: passei a vida inteira procurando uma coisa que achava que queria... e, agora que a tenho, não a quero de jeito nenhum. Nem um pouquinho.”

Uma jovem que no passada era uma bailaria cheia de sonhos, com uma carreira brilhante pela frente, que viveu um verão inesquecível, que a marcou para sempre e um segredo que durante anos pairou sobre sua cabeça, colocando em risco tudo que ela conquistou. Será possível encontrar uma saída? Ser perdoada e voltar a ser feliz? Qual o preço da omissão, da negação, da verdade?

Fui surpreendida, sugada para dentro da trama e envolvida em seus mistérios. AMEI essa história, a maneira como a autora conduziu cada núcleo familiar, como construiu seus personagens, todos desde os protagonistas até os que estão apenas fazendo uma pequena aparição encontram sua voz e marcam presença e esse é um diferencial que torna a leitura rica.

Fica aqui minha sugestão de leitura cheia de AMOR e expectativas altas. Torço para que você dê uma chance a esse livro e que se sinta tão envolvido quanto eu.


O SEGREDO DE HELENA - Lucinda Riley

Sinopse: Quanta verdade o amor é capaz de suportar? Helena nunca esqueceu o verão que passou na mágica Pandora, a casa de seu padrinho no Chipre, onde, cercada por oliveiras e pelo verde-esmeralda do Mediterrâneo, ela se apaixonou pela primeira vez, aos 15 anos. Mais de duas décadas depois, tendo herdado a antiga propriedade, ela retorna a Pandora para mais um verão, dessa vez em companhia do marido e dos filhos. No entanto, Helena sabe que voltar àquele lugar pode trazer à tona segredos que ela preferia esconder. Um desses segredos envolve Alex, seu filho mais velho, fruto de uma relação anterior a seu casamento. Com uma inteligência acima da média, ele vive a difícil transição para a vida adulta e está determinado a descobrir a identidade de seu verdadeiro pai. Enquanto o verão avança e pessoas do passado de Helena reaparecem, Pandora parece pronta a revelar os mistérios que ocultou por tantos anos e que, uma vez descobertos, farão com que a vida de Helena, e de sua família, nunca mais seja a mesma.
Ficha técnica:
Romance, Drama | Editora Arqueiro | 2018 | 1º Edição | 464 Páginas | Cortesia | Classificação: 4,5/5 | SKOOB  - AMAZON

Até a próxima! Bye. 

Você pode gostar também...

2 comentários

  1. Oi Bia, que bom que está voltando a postar resenhas aqui, eu gosto e já tava sentindo falta haha <3
    A resenha tá linda, voltou em grande estilo, e fico feliz por você se sentir tocada pelas tramas da Lucinda. Eu, por enquanto, tive apenas uma experiência com os livros dela e infelizmente não fui fisgada mas quero sim, ler outras de suas histórias e gostei muito da resenha e da sinopse dessa ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oooii Lili. Tudo bem? Obrigada por seu carinho. Lucinda é maravilhosa, essa leitura é tão bem desenvolvida, com reviravoltas impensáveis que fica difícil não se sentir envolvido pela leitura. Vou torcer para que leia e que goste. Beijoooooos.

      Excluir