Milionário Arrogante – Vi Keeland e Penelope Ward | Editora Charme


Dex Truitt é um importante homem de negócios, muito bem sucedido e que odeia dar entrevistas, outro fator um tanto quanto diferente, é que seu rosto também não está estampado em todos os sites de fofoca, se tem algo que ele preza é sua intimidade e vida pessoal bem longe dos holofotes, tamanho cuidado talvez seja medo de se expor tanto quanto seu pai um dia fez, devastando sua família e criando um relacionamento conturbado entre ambos. Porém, isso são águas do passado, e Dex está mais do que pronto para tentar melhorar essa relação espinhenta e mostrar que nem todos os empresários são iguais, e o primeiro passo para isso, é aceitar ser entrevistado pela primeira vez.

Bianca trabalha na Finance Times, uma revista especializada em negócios e que terá o privilégio de entrevistar o misteriosos Dex Truitt. Como se o feito por si só não fosse grandioso e a estivesse deixando nervosa, Bianca também possui opiniões bem claras sobre os milionários, e estas não são exatamente bonitas. O que ela não contava, é que seu nervosismo seria colocado em prova a caminho do escritório de Dex, o elevador ao qual ela pegou tem uma pequena pane e ela acaba presa nele, junto com um estranho e sua fobia a lugares fechados, sorte a sua conhecer Jay, um cara descontraído e gentil, que a ajuda a encarar seu ataque de pânico e aguardar os longos minutos até que o elevador volte a subir. O único problema nessa equação toda, é que Jay não é realmente ser quem ele diz.

“— Eu não detesto pessoas porque elas têm dinheiro. Detesto pelo que o dinheiro faz com elas. Parece causar uma aberração nas prioridades e fazê-las pensar que o mundo gira em volta delas.”

MILIONÁRIO ARROGANTE é aquele tipo de livro que por mais previsível que possa parecer, te surpreende. Aqui conhecemos Bianca, uma mulher forte, inteligente e de coração generoso, que consegue a oportunidade de entrevistar um magnata do mundo dos negócios, apesar de ser algo muito importante em sua carreira, ela não se mostra exatamente animada, já que sua impressão sobre esses homens engravatados não é exatamente positiva. Quando o elevador em que ela está dá pane e ela vê presa com Jay, tudo que antes parecia fora de controle, de repente se torna uma situação agradável e divertida. O cara simples, extrovertido e provocador pode ser exatamente tudo que ela estava precisando. O único inconveniente nisso tudo, é que Dex seu entrevistado, se revela exatamente o típico milionário intransigente que ela pensava, ou pelo menos inicialmente, já que não demora muito para que remarquem a entrevista, desta vez online e em horários nada habituais. O que deveria ser apenas uma conversa de negócios, se revela muito mais prazerosa e atrativa e antes que se dê conta, Bianca está presa em um triangulo amoroso nada convencional.


Não é spoiler eu dizer que Jay é Dex, ou que Dex é Jay, já que isso está na capa do livro. Então, o triangulo amoroso é entre duas pessoas e um alter ego, o que se diga de passagem é muito divertido. Dex é um homem esforçado, dedicado, inteligente e muito determinado, que se vê preso em um elevador com uma linda jornalista que gentilmente o apelidou de milionário arrogante, papo vai e papo vem, ele descobre que a mulher tentadora com quem está preso, despreza muitas coisas sobre sua vida e encurralado, sem saber exatamente como escapar de tal situação, se vê criando um outro eu, oposto a tudo que é, mas que seria exatamente tudo o que ela pensava ser o melhor. O resultado não poderia dar mais certo, porém, a mentira tem perna curta e não demora nada para que toda a verdade seja revelada, e com ela... um turbilhão de emoções, reviravoltas e segredos, que nenhum deles fazia ideia ser possível. Agora resta saber se a frágil relação que a pouco já foi abalada, será capaz de superar mais este grande obstáculo.

“— O que quer que seja, precisa falar a verdade. É melhor o tapa da verdade do que o beijo da mentira.”

E se o que sempre pareceu ser, não for exatamente isto?

O que mais gostei neste enredo, foram todos os altos e baixos que embalaram nosso casal protagonista. Outro ponto muito interessante, foi todo o amadurecimento de Dex, apesar de ser um homem que tem tudo e o que não, poder pagar para ter, ele está sempre disposto a correr atrás, a aprender, a crescer e isso foi muito interessante. Ele é o tipo de personagem que rouba a cena. Bianca e Dex são divertidos, provocadores e arrancam de nós leitores muitas risadas. Preciso mencionar também o quanto Bianca é gentil, centrada e simples, o que foi um equilíbrio perfeito para alguém tão intenso quanto Dex.

Se você está buscando por uma leitura leve, divertida, envolvente e rápida. MILIONÁRIO ARROGANTE é uma ótima opção.


MILIONÁRIO ARROGANTE


Sinopse: Conheci Bianca em um elevador. Ela estava indo me entrevistar quando ficamos presos. A jornalista morena linda presumiu que eu fosse um garoto de entregas por causa da forma como estava vestido. O que ela não fazia ideia era que eu, na verdade, era Dex Truitt, o empresário rico e bem-sucedido, que ela apelidou de “Milionário Arrogante” ― seu compromisso da tarde. Bianca me contou o quanto odiava o tipo de Dex: esnobe, almofadinha, nascido em berço de ouro e que não aproveitava as coisas simples da vida. Então, depois que, finalmente, o elevador recomeçou a se mover, cancelei a entrevista e a deixei acreditar que eu era alguém diferente: um ciclista mensageiro chamado Jay. Adorava o jeito como ela olhava para o falso eu e não queria que acabasse. Comecei a sair com ela como “Jay”, o tempo todo deixando-a entrevistar meu eu verdadeiro por e-mail. Não esperava que nossa química on-line fosse ser tão intensa. Não esperava a confusão em que tinha me metido. Não esperava que Jay e Dex se apaixonassem por ela. E ela estava se apaixonando por dois homens. Só que ambos eram eu. E, quando ela descobrisse, nós dois iríamos perdê-la. Nada poderia ter me preparado para aquele dia. E eu, certamente, não estava preparado para o que aconteceu em seguida. Todas as coisas boas acabam, certo? Só que eu não esperava que o nosso fim chegasse.
Ficha técnica:
Romance | Vi Keeland e Penelope Ward | Editora Charme | 2019 | 1º Edição | 271 Páginas | Tradução: Alline Salles | Cortesia | Classificação: 4/5 | Onde encontrar: SKOOBAMAZONAMERICANASSUBMARINOLOJA CHARME

Até a próxima! Bye.

Você pode gostar também...

0 comentários